Deixe um comentário

E a Bolsa?

Em 2013, o Brasil era o terceiro colocado num ranking de 25 países na preferência para investimento. Em 2017, o Brasil ocupa a 16a posição no ranking – o estudo leva em conta os investimentos de 300 empresas multinacionais de todos os setores, com faturamento superior a US$ 500 milhões.

Para os investidores, as incertezas sobre o sucesso das reformas e o quadro político brasileiro são os principais obstáculos a quem quer investir no Brasil. Outro dado alarmante é a queda do investimento em relação ao PIB: em 2013, o percentual era de 20,9% do PIB, mas em 2016 foi de apenas 16,4% do PIB. Entre os Brics (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), o país tem a menor porcentagem de investimentos em relação ao PIB.

————-

Quando cantei a bolsa em 45.000 pontos em dezembro é óbvio que já imaginava todo o desenrolar do novelo brasileiro.

Sim, a aposta foi forte, o índice Bovespa é muito concentrado em bancos, Vale e Petrobrás.

Mas mantenho a aposta.

Temer poderá até se manter no cargo, mas nosso custo será bastante alto.

E não quero falar de 2018, melhor deixar quieto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *